• Missão Sal da Terra - Comunicação

Missão Sal da Terra e as iniciativas contra a Sepse

Entre os dias 16 e 17 e 23 e 24 de setembro, a equipe da CCIRAS está realizando um ciclo de palestras, com o intuito de alertar os profissionais de saúde no processo rápido de identificação da Sepse, mostrando a epidemiologia no Brasil e no mundo, e nas próprias unidades de atendimento integrado, visando o incentivo dessas ações e a importância de uma educação continuada. Além de painéis estruturados com os temas voltados aos pacotes de 3 horas e de 6 horas, as chamadas “horas ouro” investidas no paciente que apresenta o quadro.



Com a perspectiva de atividades em saúde, atualizadas, humanizadas e de qualidade, a Missão Sal da Terra tem investido em ampliar a visão dos processos referentes a educação continuada para o reconhecimento rápido, tratamento e pensamento crítico em relação a Sepse.


Há 2 anos, foi implantado em nossas unidades de saúde o Protocolo de Sepse, uma ficha clínica preenchida pela equipe multiprofissional já na porta de entrada que identifica sinais de Sepse no Protocolo de Manchester e atualmente, com um fluxo sólido, é capaz de identificar e tratar com eficiência durante a avaliação médica e de enfermagem.


No Brasil, a Sepse é atualmente a principal causa de morte nas Unidades de Terapia Intensiva (UTI), sendo caracterizada como uma das principais causas de mortalidade hospitalar tardia, segundo dados do Instituto Latino Americano de Sepse (ILAS). Nós da Missão Sal da Terra trabalhamos com o intuito de combater a Sepse em sua raiz, ou seja, na porta de entrada da unidade de saúde.







46 visualizações

ENTRE EM

CONTATO CONOSCO