top of page

Centro de Internação Pediátrico atende 1.800 crianças em dois anos de funcionamento

CIP É REFERÊNCIA PARA ATENDIMENTO DE CRIANÇAS ATÉ 12 ANOS; UNIDADE CONTA COM EQUIPE MULTIDISCIPLINAR E AMBIENTAÇÃO INFANTIL

Valter de Paula/Secretaria de Governo e Comunicação- PMU


O Centro de Internação Pediátrico Dr. Helder Castro de Bastos (CIP) completa nesta quarta-feira (18) dois anos de inauguração. Nesse período, foram atendidas 1.826 crianças, sendo 59% de crianças menores de dois anos.


“Diante de uma situação delicada de saúde de uma criança, é necessário ter um local adequado para que ela receba o melhor atendimento e se sinta bem para ter efetividade no tratamento. E o CIP oferece esse acolhimento de forma integral. Poder utilizar um local que estava sendo degradado pelo tempo e ter a contribuição da Missão Sal da Terra foi uma conquista muito importante para garantir esse atendimento às crianças da nossa cidade”, ressalta o prefeito Odelmo Leão.


O CIP funciona no prédio inicialmente destinado à UPA Pacaembu (Norte), mas apresentava inconformidades estruturais incompatíveis para essa finalidade. O equipamento hospitalar foi então reformado e adequado para o correto atendimento ao público infantil.


Desde a inauguração, o número de leitos passou de 15 para 28, sendo dois de isolamento e 26 de enfermaria. A unidade também conta com uma equipe multidisciplinar composta por médicos, enfermeiras, psicólogos, farmacêuticos, assistentes sociais, nutricionistas e pedagogos, além de uma ambientação infantil e de espaços, como brinquedoteca e playground.


Pensando ainda no público infantil, que merece um ambiente acolhedor e que amenize a internação, a unidade realiza ações em datas comemorativas e tem a parceria do Projeto Circus Sorriso, que promove visitas de palhaços para divertir as crianças internadas.



Secretaria de Governo e Comunicação- PMU


A unidade é destinada ao recebimento de casos leves a moderados de crianças de até 12 anos, de forma que as situações de alta complexidade continuam sendo direcionadas para o Hospital de Clínicas da Universidade Federal de Uberlândia (HC-UFU).


Utilização do espaço

O uso do local, que era destinado à UPA Pacaembu (Norte), foi possível mediante um Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) assinado em acordo com os Ministérios Públicos Estadual e Federal, após o contrato de prestação de serviço entre o Município e a Clínica Infantil Dom Bosco ter sido descontinuado a pedido da própria instituição.


O espaço passou por adequações, como intervenções na parte elétrica, hidráulica, impermeabilização das paredes que são de drywall (placa de gesso), entre outros, para garantir o bom funcionamento e melhor atendimento dos pacientes. A organização social Missão Sal da Terra, que administra a unidade, foi a responsável pela reforma e adequações do local.


Fonte: Prefeitura Municipal de Uberlândia

27 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page