Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

Nossa responsabilidade é a de anteciparmo-nos ao futuro!

Enquete

Como você administra sua fé diante das adversidades?




resultados

Mensagens da Diretoria

De todo o coração, vos conclamo, a que retomemos a paixão da nossa pregação.Que cada um de nós cumpra, e bem, a obra de um evangelista, na convicção de que essa é a vocação que se impõe sobre nós."
Paulo Borges Jr.
Facebook
Curta nosso site no Facebook

Projetos Sociais

Livres Pra Recomeçar

Área de abrangência: cidade de Uberlândia

Breve histórico: Este PROGRAMA é uma parceria com o Poder Judiciário e as Unidades Prisionais, presídio Jacy de Assis e Penitenciária Pimenta da Veiga. O programa visa contribuir na ressocialização dos sentenciados e egressos do sistema carcerário da cidade de Uberlândia. Este trabalho tem como principais objetivos levar aos internos e egressos uma palavra de estímulo e encorajamento; promover a melhoria da autoestima e dar assistência às famílias dos atendidos.

Atualmente, os membros da equipe do programa são integrantes da Comissão de Fiscalização de Penas, por meio do Conselho da Comunidade, orientado pela Lei de Execuções Penais (LEP), Lei n° 7210, de 11 de julho de 1984, que reúne vários representantes da sociedade com o objetivo de contribuir com a melhoria do cumprimento das penas dentro do sistema carcerário. Essa participação estende-se na cooperação junto às atividades desenvolvidas pela APAC (Associação de Proteção e Assistência ao Condenado).

Acreditamos que com este programa contribuiremos de forma significativa, para diminuição da reincidência dos beneficiários. O Livres Para Recomeçar, engajou-se recentemente em uma parceria com o Ministério Publico do Trabalho e o Cseu( Centro Socioeducativo de Uberlandia), com propósito de executar o projeto da escola de musica com um grupo de jovens que cumpre medida socioeducativa na unidade,o objetivo desse é formar, despertar, aprimorar, os mesmos na musica,usando as competências em instrumentos de cordas, rítmica de percussão, pratica de conjunto e técnicas vocais, tudo será dará em primeiro momento em prazo de um 1 ano, e ,com investimento de 50,000.00, por parte do MP, que será usado, parte na aquisição de instrumentos e na contratação dos instrutores. Reuniões – APAC- quinzenalmente às quartas-feiras. Reuniões – Conselho da Comunidade – (Comissão de Fiscalização do Cumprimento de Penas) mensalmente Aulas Cseu- semanalmente,3 vezes por semana. Reuniões da Equipe da escola de musica- quinzenalmente Atendimento: Foram atendidas cerca de 600 pessoas direta e indiretamente. Dentre elas, homens, mulheres, pais, filhos e outros familiares.

E-mail: leonardo@missaosaldaterra.org.br